Newsletter
Subscreva a nossa newsletter

Maiores desafios das lojas online no fim do ano 2021

Há sempre um maior número de compras na época de final de ano, assinalada no comércio entre a Black Friday e o Ano Novo. Este é um período de grande procura, pelas oportunidades que surgem na Black Friday e a necessidade de compra de prendas para o Natal.

No entanto, este ano apresenta algumas dificuldades em particular, tanto para o consumidor, como para os retalhistas e os fornecedores. O aumento generalizado de preços, causado pela pressão na cadeia de fornecimento global, com uma falta de matéria-prima e redução do número de trabalhadores, aumento da procura, e outras restrições e impedimentos causados pela pandemia, afetarão todos os envolvidos em transações comerciais. Estes problemas afetarão as partes interligadas no comércio, sem exceção, e soluções que contornem este problema de preços elevados deverão ser encontradas.

Mas antes de pensarmos no problema dos preços altos, pode haver algo que nem sequer nos deixa chegar a essa situação. A indisponibilidade de produtos pode fazer com que eles nem sequer cheguem às prateleiras. As compras deverão ser feitas com alguma antecedência. Se o ano passado o mundo online lidou com os significativos atrasos no envio de encomendas, este ano a disponibilidade de produtos será um problema de magnitude semelhante.

Portanto, poucos e mais caros que o costume poderão ser dois grandes desafios para o e-commerce neste final de ano. Será tanto um constrangimento para quem vende, quem compra para revenda e para o consumidor final.

O uso de dados relevantes para retirar informação que ajude na tomada de decisões relativa a este problema poderá demonstrar-se essencial, de modo a que cada empresa adapte a sua resposta conforme as necessidades do seu público-alvo.


PUB
Total
0
Shares
Artigos relacionados